CULTURA: Ministério lança editais para o Cultura Viva


Povos indígenas são um dos públicos contemplados com os novos editais - Lia de Paula


O Ministério da Cultura lança, nesta quinta-feira (2), três editais no valor de R$ 13,5 milhões para o fomento de 210 iniciativas da Política Nacional de Cultura Viva em todo o País.

Os editais contemplam os Pontos de Mídia Livre e de Cultura Indígena e traz um tema inédito: o fomento e a premiação das Redes Culturais do País. 

A iniciativa é em parceria com a Secretaria da Cidadania e da Diversidade Cultural (SCDC). O lançamento dos editais será às 19h, no prédio da Funarte em São Paulo, e conta com a presença do ministro Juca Ferreira.

Cultura Viva

A Política Nacional de Cultura Viva foi criada em 2014 para garantir a ampliação do acesso da população aos meios de produção e circulação cultural, a partir do Ministério da Cultura, e em parceria com governos estaduais e municipais e por outras instituições, como escolas e universidades.

Presente em 26 estados e no Distrito Federal, atualmente, atende iniciativas dos mais diversos segmentos da cultura: cultura de base comunitária, com ampla incidência no segmento da juventude, Pontos de Cultura Indígenas, Quilombolas, de Matriz Africana, a produção cultural urbana, a cultura popular, abrangendo todos os tipos de linguagem artística e cultural.

Desde 2004, já foram implementados 3.500 Pontos de Cultura em todo o País. Até 2020 a SCDC pretende fomentar mais 10.500 Pontos de Cultura para atingir a meta prevista no Plano Nacional de Cultura de 15 mil pontos em funcionamento.

Fonte: Portal Brasil com informações do Ministério da Cultura

Comentários