SAÚDE: Municípios têm até 13 de julho para solicitar profissionais para ocupar vagas de desistentes



Os municípios beneficiados pelo programa Mais Médicos que estão vagas abertas devido à desistência de profissionais devem confirmar o interesse na contratação de novos médicos. O prazo para isso termina na próxima segunda-feira (13) e os gestores devem homologar a participação na futura seleção no site http://maismedicos.saude.gov.br . A previsão é que seja divulgado ainda neste mês o edital para preenchimento das vagas disponíveis.

O município de Jequié, na Bahia, tem hoje duas vagas de reposição abertas. Dois médicos que entraram na primeira fase do Programa tiveram problemas pessoais e precisaram voltar para seus locais de origem e o diretor do Departamento de Assistência à Saúde de Jequié, Rosival Braga já está com a solicitação preparada. 

Jequié é um dos 235 municípios e 10 distritos indígenas de todo o País a receber médicos do programa Mais Médicos. Com aproximadamente 161 mil habitantes, o local solicitou 11 novos profissionais para atuar na atenção básica da região.

Recebendo os médicos do Mais Médicos pela segunda vez, Rosival Braga avalia positivamente a atuação deles na atenção básica do município. “Hoje temos uma atenção básica quase cem por cento coberta por médicos em nossas unidades de saúde. O atendimento é de qualidade e superou muito nossa expectativa. Claro que temos situações que necessitam de adaptação, mas é algo corriqueiro e que se ajusta com pequenas orientações da equipe do local”, afirma o diretor.

Acesse Edital Nº 9 e Retificação Edital Nº 9

Critérios de participação dos municípios no Mais Médicos

20% de população em extrema pobreza, IDH baixo/muito baixo, Semiárido, Norte com escassez, Vales do Jequitinhonha, Mucuri e Ribeira;

Regiões de alta vulnerabilidade de capitais, regiões metropolitanas e G100

Municípios que participam do Provab;

Área de atuação de Distrito Sanitário Especial Indígena

Municípios com cobertura da Atenção Básica abaixo do necessário


Comentários