TARAUACÁ: Tião Viana é recepcionado com vaias e apitaço por grevistas da Educação

O governador Sebastião Viana foi recepcionado por grevistas da Educação com vaias, apitaço e buzinaço nesta sexta-feira, em Tarauacá. Foi na solenidade de lançamento do PAA (Programa de Aquisição de Alimentos) e entrega de equipamentos para a cooperativa agroextrativista Yawanawa de Tarauacá, no ginásio da Escola Professor José Augusto de Araújo.

Ao tomarem conhecimento da presença do governador na cidade, imediatamente um grupo de 40 professores grevistas se reuniu e se dirigiu ao lugar da solenidade. Com faixas, cartazes e apitos, eles tentaram entrar no ginásio, mas foram proibidos por seguranças de Sebastião Viana, o que não os intimidou.

Do lado de fora do ambiente da solenidade, os grevistas faziam barulho enquanto as autoridades se pronunciavam. Eles promoveram apitaço, buzinaço e gritaram palavras de ordem contra o governo do Acre. A coordenadora do núcleo de Educação de Tarauacá, Francisca Aragão, e o governador Sebastião Viana foram os mais vaiados enquanto deixavam a solenidade.

Sebastião Viana deixou a solenidade rapidamente passando próximo aos manifestantes. Ele chegou a cumprimentar os professores.

Na quarta-feira passada, os professores tarauacaenses fecharam a BR-364, no trecho onde está localizada a escola 15 de Junho, também em protesto contra as péssimas condições da rodovia.

De Tarauacá, o governador e assessores seguiram para Cruzeiro do Sul. Logo na chegada o petista visita o Centro de Hemodiálise e depois lança o PAA. Há informações de que também em Cruzeiro do Sul ele deve ser recepcionado por grevistas da Educação. Os professores estão de braços cruzados há um mês.

Por Luciano Tavares
da redação de ac24horas

Comentários