EDUCAÇÃO: Anac oferece 65 vagas para o programa Bolsa Piloto

Interessados em pleitear o Bolsa Piloto têm até 25 de setembro para fazer a inscrição
Foto: Aerofatos
Interessados em pleitear o Bolsa Piloto têm entre esta segunda-feira (14) e 25 de setembro para fazer a inscrição no programa, da Secretaria de Aviação da Presidência da República. O Bolsa Piloto foi desenvolvido em parceria com a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e tem apoio do Ministério da Educação (MEC). São oferecidas 65 bolsas para formação de pilotos.

Os bolsistas selecionados participarão de aulas práticas de voo para obtenção de licença nas categorias Pilotos Privados de Avião (habilitação de classe monomotor terrestre) e Pilotos Comerciais (classe multimotor terrestre e habilitação de voo por instrumentos). Serão disponibilizadas 50 bolsas para a primeira categoria e 15 para a segunda.

O Bolsa Piloto tem como público-alvo estudantes brasileiros que estejam cursando ou sejam egressos de cursos superiores relacionados à aviação civil, como Ciências Aeronáuticas, Tecnológico em Pilotagem Profissional ou Pilotagem Profissional de Aeronaves, Engenharia Aeronáutica e Manutenção de Aeronaves, entre outros.

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas no endereço eletrônico www.aviacao.gov.br. Uma das exigências do edital de inscrição, publicado nesta segunda-feira (14), no Diário Oficial da União, é que o interessado seja ou tenha sido beneficiário do Programa Universidade Para Todos (Prouni) e detentor de nota do Exame Nacional de Ensino Médio (Enem) datado a partir de 2010. As etapas eliminatórias e classificatórias podem ser consultadas aqui.

Para o ministro da Aviação, Eliseu Padilha, o programa reforça a integração das políticas socioeducacionais do governo federal. "O poder público trabalha pela igualdade de oportunidades. O Bolsa Piloto vai atender a um público que tem um sonho, mas não tem condições de realizá-lo." 

Informações e contato pelo e-mail: bolsa.piloto@aviacao.gov.br

Comentários