BUJARI: Mães denunciam atraso no ano letivo por falta de ônibus para o transporte escolar

Mães denunciam atraso no ano letivo por falta de ônibus para o transporte escolar
O início do ano letivo já é realidade para milhares de alunos em todo o Estado. Mas como toda regra, em algumas regiões, isso não é realidade. Dona Leni Vasconcelos utilizou o facebook para denunciar a falta de transporte escolar na zona rural do município do Bujari. Segundo ela, o ano letivo começou apenas na zona urbana.

“Mais quem mora na zona rural, como e que faz porque nosso querido prefeito não disponibiliza ônibus para os alunos?” questionou.

Marluce Souza, outra mãe, comentou a publicação de Leni na página Bujari Real. Ela afirma que “é uma falta de respeito com nossas crianças da zona rural” e acrescenta: “temos que denunciar porque é direito do prefeito fornecer transportes”.

O OUTRO LADO – No início da noite de ontem (14) a reportagem conseguiu falar com a secretária de educação municipal Marlete Santos. Ela afirmou que no início do ano, por conta do compartilhamento de rotas do transporte escolar pelo Estado, “existe alguns contratempos com relação ao calendário de início das aulas, mas nada que prejudique o ano escolar”, afirmou.

O município tem 15 escolas na zona rural, a maioria, segundo Marlete, na área do Antimary, que é de difícil acesso. No caso citado, a secretaria pediu que as mães se dirigissem à secretaria de educação para detalhar melhor a denuncia.

“Assim poderemos identificar se a rota é de responsabilidade do município e informar com mais precisão quando as aulas terão início”, acrescentou Marlete.

A secretária explicou ainda que o atraso na contratação de professores por parte do Estado é outro motivo que retardou o início das aulas em algumas regiões do interior. O ano letivo no município do Bujari começou no último dia 7.

Fonte: http://www.ac24horas.com/

Comentários