Mensagens de Tião Viana com ameaças de demissão a secretários vira destaque no Jornal Nacional

cats
A polêmica envolvendo o governador do Acre, Tião Viana (PT), que teria usado o aplicativo WhatsApp para enviar mensagens ameaçadoras aos secretários e assessores do primeiro escalão que faltaram a evento político, repercutiu na mídia nacional. Na noite desta terça-feira (15), a Rede Globo de Televisão relatou o caso na edição do Jornal Nacional.

No WhatsApp, Tião Viana disse que ficou desapontado com os assessores que não foram e não pediram aos amigos que fossem ao evento com o ex-ministro Gilberto Carvalho, em Rio Branco.

LEIA TAMBÉM:


“Não acho honesto estar no governo, em função de confiança, por outra razão. Portanto, quem não entendeu até aqui, manifeste-se, ou peça demissão. Na próxima eu não aguardarei pedido, mas sim, demitirei”, diz mensagem enviada do celular do governador.

Veja a reportagem do Jornal Nacional:


Na tarde de segunda-feira (14), o partido Rede Sustentabilidade pediu ao Ministério Público Estadual (MPE) abertura de inquérito para que investigue possíveis irregularidades na atitude tomada pelo chefe do Executivo acreano.

De acordo com reportagem do Jornal Nacional, o promotor do Patrimônio Público do MPE, Adenilson de Souza, afirmou que abrirá procedimento para investigar as mensagens. Ainda de acordo com o telejornal, o governo do Acre disse que não foi notificado sobre o caso e por enquanto não vai se pronunciar sobre a investigação.

Fonte: http://contilnetnoticias.com.br/

Comentários