Termina hoje o prazo para pedir alterações no título de eleitor

Pedidos para transferir o título de cidade, cadastrar biometria, regularizar a situação e outras mudanças devem ser feitos até as 18h na Justiça eleitoral
Nelson Jr./ ASICS/ TSE
Eleitor escolherá para presidente, governador, senador, deputado federal e deputado estadual ou distrital

Termina nesta quarta-feira (9) o prazo para alterações e emissão do título de eleitor em todo o Brasil. Quem quiser transferir, atualizar ou cadastrar a biometria para poder participar das eleições deste ano, cujo primeiro turno acontece em cinco meses, no dia 7 de outubro, deve procurar até às 18h de hoje os órgãos da Justiça eleitoral.

Desde o início desta semana, cartórios eleitorais de todos os estados estão recebendo longas filas para, entre outras tarefas, registrar biometria, em municípios onde a obrigatoriedade foi estabelecida, e emitir o título de eleitor de quem completa 18 anos até o dia 7 de outubro.

Uma das 84 cidades do Estado de São Paulo onde o recadastramento biométrico foi estabelecido é Guarulhos, que deve perder cerca de 160 mil eleitores neste ano, já que, de acordo com o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) não haviam procurado os cartórios e postos judiciais até terça-feira (8) para regularizar a situação.

Segundo a Justiça, quem não regularizar a situação terá o título cancelado. Guarulhos é o segundo maior colégio eleitoral do Estado, com 955.381 eleitores. Caso a situação não seja atualizada, o eleitorado da cidade deverá diminuir 17,1%.

Em Salvador, a sede do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) tinha filas quilométricas nesta manhã. Em Natal, no Rio Grande do Norte, no Fórum Eleitoral, a situação não foi muito diferente e teve até a distribuição de senhas, 1.600 no total.


Atendimento

Os cartórios e postos eleitorais abrem às 9h e estarão trabalhando para atender quem deseja transferir o título de cidade, regularizar a situação para quem faltou às três últimas eleições e não justificou as ausências e expedir título de quem completou 16 anos até o dia da eleição.

Neste ano, eleitores terão que escolher em quem votar para presidente, governador, senador, deputado federal e deputado estadual ou distrital.

No Brasil, o voto é obrigatório para todos, exceto eleitores menores de 18 anos ou maiores de 70 anos. Para eles o voto é facultativo. Além disso, analfabetos também não precisam votar.
Transferência de título

Para fazer a mudança, o eleitor deve morar há pelo menos três meses no novo município. Também é preciso estar munido de comprovante de residência e documento oficial com foto. A autorização só sai para quem tem, no mínimo, um ano de alistamento eleitoral ou da última transferência do título. Consulte o site do Tribunal Regional Eleitoral do seu estado.

Comentários

Postagens mais visitadas