COPA DO MUNDO: Brasil perde da Austrália e adia novamente o tão sonhado título do Mundial Feminino

O sonho do título inédito no Campeonato Mundial Feminino foi adiado por mais quatro anos. Neste domingo, em Moncton, no Canadá, pelas oitavas de final, o Brasil foi derrotado pelo Austrália por 1 a 0. Com isso, os melhores resultados da seleção na competição continuam sendo o vice-campeonato (2007) e o terceiro lugar (1999).

A seleção, curiosamente, vai embora do Mundial com apenas uma derrota, justamente nas oitavas de final, e apenas um gol sofrido, também na partida contra as australianas. Na primeira fase, integrante do grupo E, o Brasil derrotou Coreia do Sul (2 a 0), Espanha (1 a 0) e Costa Rica (1 a 0).

Nas quartas de final, somente no próximo sábado, dia 27, às 17h (de Brasília), a Austrália vai pegar o vencedor da partida entre Japão e Holanda, que se enfrentamna terça-feira, às 23h (de Brasília).


O primeiro tempo foi equilibrado, mas com ligeira superioridade do Brasil. No segundo tempo, a seleção voltou melhor e teve chances para abrir o marcador. Aos 18 minutos, após cobrança de escanteio, Formiga mandou a bola na trave.

Por ironia do destino, a mesma Formiga teve culpa no gol da Austrália. Aos 34 minutos, a jogadora perdeu a bola no campo defensivo, De Vanna chutou, Luciana falhou ao soltar a bola e Simon completou para o fundo da rede.

O técnico Vadão resolveu mexer na equipe. Colocou Raquel Fernandes e Beatriz nos lugares Tamires e Thaisa, respectivamente. Já na base do desespero, a seleção não conseguiu nada e acabou eliminada do Mundial. 

BRASIL 0 x 1 AUSTRÁLIA

Brasil
Luciana; Fabiana, Mônica, Rafaelle e Tamires (Raquel Fernandes); Thaisa (Beatiz), Formiga e Andressa; Marta, Cristiane e Andressa Alves.
Técnico: Vadão

Austrália
Williams; Foord, Alleway, Kennedy e Catley; Butt (Gorry), Kellond-Knight, Van Egmond, De Vanna e Kerr; Keymam (Simon).
Técnico: Alen Stajcic

Data: 21/06/2015 (domingo)
Local: Moncton Stadium, Moncton (Canadá)
Árbitro: Teodora Albon (Romênia)
Auxiliares: Petruta Iugulescu (Romênia) e Maria Sukenikova (Eslováquia)
Cartões amarelos: Fabiana e Marta (Brasil).
Gol: Simon, aos 34 minutos do segundo tempo. 

Fonte:  http://www.ahebrasil.com.br/

Comentários