RIO BRANCO: Sindicalista encontrada morta neste domingo pode ter cometido suicídio com fio de telefone


RAQUEL CC

A servidora pública e presidente do Sindicato Estadual dos Agentes Comunitários de Saúde, Raquel Cabral Silva, 39 anos, foi encontrada morta na tarde deste domingo (24), em sua residência localizada no loteamento Cabreúva, na região da Baixada da Sobral.

Raquel Damasceno, como era conhecida, estava com um fio de telefone enrolado ao seu pescoço, o que fez a políicia suspeitar de suicídio.

“Não podemos dar nenhuma opinião até que seja realizada uma perícia, e as autoridades neste assunto emitam um laudo, mas tudo indica que ela cometeu suicídio”, disse um policial que esteve no local.

De acordo com vizinhos, Raquel teria se desentendido com sua companheira conhecida como Tamires, antes de entrar para o quarto onde foi encontrada morta.

O presidente da Assermurb, Marquinho Gama lamentou a morte de Raquel, e disse em nota enviada à ContilNet que no dia 16 de abril ela comemorou seu aniversário na sede da associação, e que sua alegria, durante a festa, era contagiante. “Mal sabíamos que se tratava também de sua despedida”, comentou Gama.


Para Marquinho, Raquel foi uma mulher íntegra, humana e que lutou por grandes causas do município de Rio Branco, em especial, dos Agentes de Saúde.

“Sempre ajudou a construir, desenvolver e realizar os sonhos de seus colegas. Sem dúvidas, Raquel foi um ser humano exemplar e deixará em nossas lembranças e em nossa história, seu legado”, escreveu Gama.

O velório da servidora pública está acontecendo na Rua 15, 276, bairro Glória, na Baixada da Sobral.

Vejam nota enviada à família e amigos de Raquel pelo presidente da Assermurb, Marquinho Gama:

NOTA DE PESAR

Foi com grande pesar que no meio desta tarde, 24 de abril, recebemos a notícia do falecimento da Agente de Saúde Raquel. Uma mulher íntegra, humana, que lutou por grandes causas do nosso município e, em especial, dos Agentes de Saúde, sempre ajudando a construir, desenvolver e realizar os sonhos de seus colegas. Sem dúvidas, Raquel foi um ser humano exemplar, e deixará em nossas lembranças e em nossa história, seu legado.
Raquel foi Secretária da Comissão Eleitoral deste Sindicato, em 15 de janeiro e, no último dia 16 de abril comemorou, com uma linda festa, seu aniversário na ASSERMURB. Eu e minha Esposa e vários amigos e familiares estiveram presentes. Era contagiante a sua alegria. Mal sabíamos que se tratava também de sua despedida.
Nesse momento doloroso, venho externar meus sentimentos e me solidarizar com a família e amigos da nossa querida Raquel. Rogo a Deus que no aconchego de seus braços receba este ente querido, e no calor de seu imenso coração, conforte a todos com esta perda.
Em sua memória, declaro três dias de luto oficial no Sindicato.


Marquinhos Gama
Presidente da ASSERMURB

Fonte: http://contilnetnoticias.com.br/

Comentários