Família busca por jovem desaparecida há três dias; Carro foi encontrado queimado na Estrada do Amapá

destaque
Os familiares da estudante, Railene Ganum da Silva, de 19 anos, estão desesperados em busca do paradeiro da jovem que está desaparecida desde a última quinta-feira (02). Ela saiu com o Arnaldo Reis Praxedes, de 63 anos, pai de um dos seus filhos para trabalhar, mas não retornou para casa. O idoso também encontra-se desaparecido. O carro que saíram juntos foi encontrado queimado no bairro Amapá.

Railene é estudante e tem dois filhos, sendo um de 3 anos e outro de 1 ano e cinco meses, fruto de um breve relacionamento com Arnaldo.

Segundo informações da irmã, Rairla Ganum, Arnaldo foi até a residência onde ela mora com a família, localizada no bairro Jardim Eldorado na manhã de quinta-feira (02) dizendo que ia levá-la para trabalhar. Os dois saíram no veículo de Arnaldo e desde estão desapareceram.

“Ele veio aqui em casa, ficou chamando ela pra ir com ele que ele ia arrumar um trabalho para ela. Daí ela entrou no carro e não voltou mais. Ela nunca fez isso, nunca saiu e deixou as crianças, nunca dormiu nem fora de casa, estamos desesperados”, conta a irmã.

Já pela manhã de sexta-feira (03) a família de Rairlene ficou sabendo através dos familiares de Arnaldo, de que o carro, um veiculo modelo New Fiesta de placas QLU 0559, havia sido encontrado queimado no Ramal do Pica Pau, região do bairro Amapá, em Rio Branco. Imagens de câmeras dos vizinhos de Arnaldo mostram que ele esteve em casa com Rairlene ainda na quinta-feira e podem ajudar nas investigações.

Um Boletim de Ocorrências (BO) foi registrado para comunicar o desaparecimento da jovem na Quinta Regional de Polícia Civil e a família espera que sejam tomadas providências. Até a publicação desta matéria o carro ainda não havia sido recolhido ou passado por perícia, relata os familiares.

“Queremos saber do paradeiro da nossa irmã, já fazem quase quatro dias e ninguém da polícia nos procurou. Tudo está muito estranho, minha irmã vivia em conflito com Arnaldo por causa do filho e queremos saber o que realmente aconteceu”, disse a irmã Rairla Ganum.

Fonte: www.ac24horas.com

Comentários