CONCURSO PÚBLICO: Fundação Oswaldo Cruz inscreve para 31 oportunidades em carreiras de níveis médio e superior. Salários iniciais chegam a R$ 16,8 mil. Inscrições vão até 8 de agosto


A Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz) já está recebendo inscrições de interessados em participar do concurso público que vai selecionar 31 profissionais para carreiras de níveis médio e superior.

O edital divulgado no dia 15 de junho oferece 10 oportunidades para o cargo deespecialista em ciência, tecnologia, produção e inovação em saúde pública. Já o documento publicado em 14 de junho reúne 21 ofertas para assistente técnico de gestão em saúde. Ambas as funções são para atuar na carreira de suporte à gestão em ciência e tecnologia, produção e inovação em saúde pública.

Vale ressaltar que, do total de oportunidades, duas são reservadas para pessoas com deficiência e seis para candidatos negros.

Sobre o cargo de assistente 

Exigindo apenas a conclusão do ensino médio, o emprego apresenta remuneração inicial de R$ 3.418,81, já incluindo o auxílio-alimentação. Tal quantia pode chegar a R$ 5.180,81 com a gratificação de qualificação (GQ) para quem possui diploma de doutorado. A jornada de trabalho é de 40 horas por semana.

Os futuros servidores irão exercer atividades como protocolo, conferência, atualização e arquivamento de documentos; estoque de material; redação de minuta de documentos; controle e manutenção de sistemas de informações da administração pública federal e sistemas institucionais; contatos e recepção de pessoas; participação em organização de eventos; elaboração de planilhas, tabelas, quadros demonstrativos, gráficos, apresentações e controle patrimonial.

As oportunidades para assistente presentes no concurso da Fiocruz 2016 são para trabalhar nas cidades de Rio de Janeiro/RJ (14 vagas), Belo Horizonte/MG (1), Brasília/DF (1), Curitiba/PR (1), Manaus/AM (2), Recife/PE (1) e Salvador/BA (1). 

A carreira de especialista

Os profissionais interessados em exercer o ofício de especialista da Fundação Oswaldo Cruz devem ter nível superior, título de doutorado na área específica e experiência mínima de seis anos na função. O salário é de R$ 16.867 para jornadas de trabalho de 40 horas semanais.

As oportunidades da carreira de especialista em ciência, tecnologia, produção e inovação em saúde pública estão distribuídas nas seguintes áreas de atuação: biotecnologia e engenharia de processos (1); entomologia molecular (1); inovações em saúde global com ênfase em doenças em populações negligenciadas (1); interação patógeno-hospedeiro (1); medicina translacional com ênfase em imunologia (1); medicina translacional em doenças adquiridas (1); micro e nanossistemas biomédicos (1); pesquisa e desenvolvimento tecnológico e inovação de medicamentos (1); política, planejamento e gestão em saúde (1); e saúde e ambiente (1).

A lotação das ofertas será realizada nas cidades do Rio de Janeiro/RJ (5 vagas), Recife/PE (1), Salvador/BA (1), Curitiba/PR (1), Fortaleza/CE (1), Belo Horizonte/MG (1).

Como se inscrever no concurso

Quem quiser participar do concurso da Fiocruz poderá se candidatar a partir das 10h do dia 4 de julho, acessando o site concurso.fiotec.fiocruz.br

Será possível efetuar a inscrição até o dia 8 de agosto, pagando uma taxa no valor de R$ 70 (assistente) ou R$ 250 (especialista).

O processo seletivo da Fiocruz

Os candidatos ao posto de assistente serão avaliados em etapa única correspondente a prova objetiva. O exame será terá 60 questões de múltipla escolha sobre as disciplinas de língua portuguesa (20), raciocínio lógico (10) e conhecimentos específicos (30).

Já os concorrentes ao ofício de especialista passarão por avaliação discursiva, composta por duas questões de conhecimentos específicos; análise de títulos e currículo; e apresentação de projeto de atuação profissional e defesa e memorial. 

As avaliações objetiva e discursiva serão aplicada no dia 25 de setembro, nas mesmas cidades de lotação das vagas. Informações a respeito do horário e dos locais do exame serão divulgadas, oportunamente, pela comissão de organizadores do concurso.

Mais vagasConforme vem sendo noticiado pelo JC, a Fiocruz ainda deve publicar, em breve, mais dois editais com postos já autorizados pelo Ministério do Planejamento: técnico em saúde pública (61 vagas) e pesquisador (58).

Para saber mais, clique aqui.

Comentários