EDUCAÇÃO: Prazo para justificar ausência no Enade termina dia 31 de janeiro



O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) informou, nesta terça-feira (24), que dos 216.044 estudantes habilitados a fazer o Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade) 2016, 20.150 (9,33%) não fizeram o exame aplicado no dia 20 de novembro do ano passado.

O grupo ausente tem até a próxima terça-feira (31) para pedir dispensa da avaliação. De acordo com o Inep, quem não regularizar a situação não poderá colar grau.

O pedido deve ser apresentado com a justificativa da ausência à instituição de educação superior na qual o estudante está matriculado. No caso de o pedido ser aceito, o coordenador do curso registrará a situação no sistema, no portal do Inep.

Quem tiver o pedido negado pela instituição pode pedir a dispensa diretamente ao Inep, no período de 8 a 22 de fevereiro de 2017. Nesse caso, será preciso apresentar original ou cópia autenticada do documento que comprove o motivo que impediu de fazer a prova.

O instituto também alerta que aqueles que não preencheram o questionário do estudante estão em situação irregular junto ao Enade 2016 e poderão não colar grau, mesmo que tenham feito a prova. O questionário estará disponível para preenchimento até 22 de fevereiro de 2017, no site do Inep.

Prova

As provas foram aplicadas para concluintes dos cursos de graduação nas áreas de conhecimento de agronomia, biomedicina, educação física, enfermagem, farmácia, fisioterapia, fonoaudiologia, medicina, medicina veterinária, nutrição, odontologia, serviço social e zootecnia.

Também foram avaliados os concluintes de cursos superiores de tecnologia nas áreas de agronegócio, estética e cosmética, gestão ambiental, gestão hospitalar e radiologia.

Aplicado pela primeira vez em 2004, o Enade integra o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior, composto também pela Avaliação de Cursos de Graduação e Avaliação Institucional.

Juntos, eles formam o tripé avaliativo da qualidade dos cursos e instituições de educação superior. Os resultados do Enade, aliados às respostas do Questionário do Estudante, são fundamentais para o cálculo dos indicadores de qualidade da educação superior.

Fonte: Portal Brasil, com informações da Agência Brasil.

Comentários