ACRE: Delegados e agentes da Polícia Civil paralisam por 24 horas contra PEC 287




Delegados e agentes da Polícia Civil do Acre aderiram a paralisação nacional de 24 horas contra a PEC 287/2016 da reforma da Previdência e em defesa da aposentadoria dos profissionais de segurança pública.

Eles realizam na manhã desta quarta-feira, 08, em frente a Assembleia Legislativa uma manifestação. O presidente da Associação dos Delegados, Kleiton Videira, considera a PEC um retrocesso para a segurança pública do país e à sociedade.
“É uma proposta que traz sérios prejuizos para a carreira policial, inclusive para a sociedade. O indivíduo tem inciado cada vez mais jovem no crime enquanto que a expectativa de vida do policial é de 57, 59 anos”, lembra.

A PEC 287/2016 aumenta a idade mínima de aposentadoria que passará para 65 anos de idade, para homens e mulheres do serviço público e privado. O prazo mínimo de contribuição para a Previdência Social será elevado de 15 anos para 25 anos. O tempo de contribuição para aposentadoria integral (teto do INSS) será de 49 anos.

Fonte: http://www.ac24horas.com/

Comentários