Cidades do Acre atingidas por cheias de rios recebem repasse de R$ 4 milhões




Nessa sexta-feira (3), o Ministério da Integração assegurou o repasse de R$ 4 milhões a municípios do Acre atingidos por enchentes dos rios Juruá e Tarauacá. A pasta ainda garantiu o envio de 107,2 mil kits de ajuda humanitária em socorro e assistência à população de Cruzeiro do Sul e Tarauacá.

Mais de 3,5 mil pessoas ficaram desalojadas depois da cheia dos rios e tiveram de se abrigar em ginásios poliesportivos. O ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, sobrevoou as áreas atingidas para avaliar danos e definir medidas de apoio federal.

"Disponibilizamos recursos para ações emergenciais que se aproximam de R$ 4 milhões. Assim, conseguiremos dar apoio com cestas básicas, kits de higiene e colchonetes, dentre outros itens. Neste momento de sofrimento, nosso esforço é no sentido de buscar amenizar as dificuldades e trazer tranquilidade às famílias que foram atingidas pelas cheias", afirmou.

Os kits de ajuda humanitária incluem 82.975 mil galões de água, 6 mil cestas de alimentos, 2,5 mil colchões, 2,5 mil kits dormitórios com roupa de cama, 6 mil kits de higiene pessoal, 1,3 kits de assistência infantil e 6 mil kits de limpeza. Mais de 104 mil pessoas serão beneficiadas. A ação de socorro e assistência à população é de auxílio imediato, já foi articulada pela Defesa Civil Nacional e deve estar acessível nos próximos dias.

Além de assegurar o envio dos kits emergenciais, o Ministério da Integração Nacional também reconheceu a situação de emergência no município de Cruzeiro do Sul, em decorrência dos danos causados pelas inundações. A medida permite que a prefeitura solicite apoio do governo federal para o restabelecimento de serviços essenciais e recuperação de áreas danificadas.

"Nas próximas semanas as prefeituras deverão apresentar um plano de trabalho com ações para recompor estruturas atingidas. Após análise da Defesa Civil Nacional, poderemos liberar recursos para que Cruzeiro do Sul e Tarauacá restabeleçam suas condições urbanas", acrescentou o ministro Helder Barbalho.

As cheias no estado do Acre já atingiram mais de 32 mil pessoas, deixando cerca de 1,7 mil pessoas desalojadas e outras 2,1 mil pessoas desabrigadas. O apoio federal é complementar às ações que já estão sendo desenvolvidas pelo estado e municípios.

Fonte: Portal Brasil, com informações do Ministério da Integração

Comentários