EDUCAÇÃO: Prazo para comprovar dados do Prouni vai até a segunda (13)


Os candidatos pré-selecionados para receber bolsas integrais e parciais do Programa Universidade para Todos (ProUni) têm até esta segunda-feira (13), para comprovar as informações prestadas durante a inscrição.

A exceção são os estudantes do Espírito Santo, para os quais o Ministério da Educação prorrogou o prazo até quarta-feira (15) para que não sejam prejudicados devido à situação da segurança pública no estado.

O estudante deve apresentar na instituição para a qual foi selecionado os documentos originais de identificação e de membros da família, comprovantes de residência, de conclusão do ensino médio, de rendimentos e, quando for o caso, de separação, divórcio ou morte dos pais, pagamento de pensão alimentícia, de professor da educação básica e de deficiência.

A lista de documentos pode ser consultada na página do ProUni.

O resultado da segunda chamada será divulgado no próximo dia 20. A comprovação das informações nessa etapa será entre os dias 20 e 24 de fevereiro. O candidato que quiser participar da lista de espera poderá se manifestar entre 7 e 8 de março. Neste caso, terá os dias 13 e 14 de março para apresentar a documentação.

Inscritos

Esta edição do ProUni teve 1.535.042 candidatos inscritos na primeira chamada. Como cada um tem direito de escolher duas opções de curso, o número de inscrições chegou a 2.976.550.

No total, foram ofertadas 214.242 bolsas em 13.521 cursos, distribuídos em 1.065 instituições de todo o Brasil. O número é o maior desde a criação do programa, em 2004, e representa crescimento de aproximadamente 5% em relação ao mesmo período do ano passado, quando foram oferecidas 203.602 bolsas. Neste ano, foram registrados 7,16 candidatos por vaga.

O ProUni oferece bolsas de estudo integrais e parciais (de 50%) em instituições privadas de educação superior, em cursos de graduação e sequenciais de formação específica, a estudantes brasileiros sem diploma de nível superior.

Fonte: Portal Brasil, com informações do MEC

Comentários