Estudantes do Ifac em Tarauacá superam média nacional no Enem e são aprovados em cursos superiores


A dedicação nos estudos, o auxílio de profissionais dentro e fora das salas de aula, o comprometimento da instituição com uma educação de qualidade, além da oferta de bolsas, intercâmbios, editais e participação em eventos nacionais, são alguns dos pontos que contribuíram para que mais de 20 estudantes do Instituto Federal do Acre (Ifac), no município de Tarauacá, tivessem bons resultados no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e fossem aprovados nos cursos superiores do país.
Felipe Rodrigues Reis é um dos estudantes do Ifac que se destacou no Enem e conseguiu aprovação em instituições federais de Ensino Superior. O jovem, que iniciou os estudos no Ifac em 2015, pôde não apenas realizar o Ensino Médio, mas também ser capacitado em um curso técnico.

Aluno no curso técnico em Florestas, Felipe Rodrigues se superou na redação do Enem e somou 860 pontos. O jovem foi aprovado em Enfermagem, na Universidade Federal do Acre (Ufac), e também em Engenharia Florestal, no Instituto Federal do Rondônia (Ifro), na cidade de Ji-Paraná. Segundo ele, a boa nota veio através de muito estudo e produções textuais.

“Antes do Enem estava me preparando e produzindo redações com temas aleatórios. Fazia os textos em casa e pedia para os professores corrigirem. Quando cheguei para a prova do Enem não encontrei tantas dificuldades, pois já havia escrito, durante as aulas no Ifac, uma redação que abordava os desafios da educação no Brasil”, explica Felipe.

O jovem, que optou pelo curso de Enfermagem na Ufac, ressalta que irá sentir falta do dia a dia no Ifac, dos colegas de sala de aula e também dos dias de coral, projeto extensão do qual fez parte até o ano passado. Dentre os professores que Felipe Rodrigues reforça em sua formação, estão Carlos Roberto Ribeiro da Silva Junior, docente de professor de Língua Portuguesa, e José Rodney de Souza Figueiredo, que ministra a disciplina de Matemática.

Outro aluno destaque foi José Mizael de Mendonça Paiva, que conseguiu obter 800 pontos na redação do Enem. 
O jovem tem 17 anos e também estudou o Ensino Médio no Ifac em Tarauacá. Segundo ele, a boa nota na redação é resultado das aulas ministradas pela professora Rosineide Maria de Lima Marinho, que é docente de Língua Portuguesa do campus. “Nos últimos meses de 2017, ela (Rosineide) focou as aulas na produção de redações sobre vários temas e isso me ajudou muito”.

Diretor do campus Tarauacá, Sérgio Florido, ressaltou ainda as diversas oportunidades ofertadas pela instituição como chave para o sucesso dos estudantes. Para ele, a diversidade de projetos oferecidos pelo Ifac contribui para que os jovens que cursam o Ensino Médio alcancem seus objetivos.

“O trabalho realizado por todos que fazem o campus é de sempre incentivar o aproveitamento das oportunidades que são ofertadas. E os resultados dos nossos alunos vêm numa crescente. São participações de destaque em eventos municipais e estaduais. Seja no ensino, no esporte, na música, na arte, os alunos do Ifac, a cada ano, produzem melhores e maiores resultados”, reforçou Flórido.

Sobre a formação dos estudantes, o diretor da unidade ainda ressaltou a relevância do ensino ser integrado a um curso técnico. “A formação técnico-profissional integrada ao Ensino Médio abarca uma dimensão ampla de formação moral e educacional. A convivência com professores capacitados e escolhidos em processos seletivos apurados demonstra que a influência dessas pessoas e cujas formações é modelo de vida para esses alunos”.

Pró-reitora de Ensino (Proen), Lucilene Acácio, afirma ainda que a aprovação dos estudantes do Ifac em instituições de ensino superior é reflexo do esforço e compromisso que o Instituto tem com a educação. “Os nossos cursos técnicos Integrados contam com professores qualificados, temos estruturas físicas boas. Nossos alunos têm acesso à pesquisa, à extensão e a incentivos para se dedicarem aos estudos. As aprovações são uma demonstração da qualidade de ensino que o Ifac vem construindo com muito esforço, compromisso e dedicação”.

Segundo Lucilene Acácio, o sucesso dos estudantes é bastante significativo para a instituição, “pois mostra que estamos no caminho certo, que os docentes e todos aqueles que fazem parte do cotidiano dos campi estão atuando com zelo, dedicação e procurando oferecer um ensino de qualidade”.

Fonte: https://www.ac24horas.com/

Comentários

Postagens mais visitadas