MUNDO: Caminhão-bomba explode em mercado de Bagdá e deixa pelo menos 97 mortos

Um atentado suicida matou pelo menos 97 pessoas na região de Khan Beni Saad, no nordeste de Bagdá, capital do Iraque. A polícia local informou que um pequeno caminhão foi detonado em um mercado lotado na sexta à noite, quando as pessoas faziam compras para as festividades que marcam o fim do mês sagrado do Ramadã. Outras 130 pessoas teriam ficado feridas.
Um fonte informou a agência de notícias local que há também 20 desaparecidos, cujos corpos podem ter desintegrado por causa da força da explosão no mercado, que estava lotado no momento do ataque.
Além das vítimas, 50 lojas foram completamente destruídas e 70 veículos ficaram carbonizados pela explosão, que abriu uma grande cratera no solo.
O grupo Estado Islâmico assumiu a responsabilidade pelo ataque, de acordo com mensagens postadas em contas do Twitter associadas ao grupo Estado Islâmico.
A segurança foi reforçada em todo o Iraque desde o início do Ramadã em meio a temores de que o grupo militante sunita usaria a ocasião para empreender um ataque a civis. 
O líder do parlamento iraquiano, Salim al-Jabouri, disse neste sábado (hora local) que o grupo militante sunita "visa desestabilizar o país através da realização de atos criminosos e alvos civis inocentes". 
Fonte: http://ultimosegundo.ig.com.br/

Comentários