EDUCAÇÃO: Olimpíada de Matemática de Escolas Públicas inicia 2ª fase


Os estudantes classificados na primeira fase da 11ª Olimpíada de Matemática das Escolas Públicas (Obmep) participarão da segunda etapa da competição, que será realizado às 14h30 (horário de Brasília) do próximo sábado (12), em 9.292 mil Centros de Aplicação, distribuídos em todos os estados da federação.

Foram selecionados para a segunda etapa quase 900 mil alunos de 42,3 mil escolas públicas de todo o País, sendo 280 mil alunos do nível 1 (6º e 7º do Ensino Fundamental); 262 mil do nível 2 (8º e 9º anos do Ensino Fundamental); e 345 mil do nível 3 (1º, 2º e 3º anos do Ensino Médio).

No dia 12 de setembro, os alunos devem comparecer aos locais de prova com meia hora de antecedência e levar um documento original com foto. No endereço, podem ser consultados a lista de classificados e os locais de provas.

A prova

A prova da 2ª fase da Obmep terá duração de três horas e será composta de seis questões discursivas, nas quais os participantes devem mostrar os cálculos e o raciocínio utilizados para resolver os problemas.

O próprio Impa cuida de todo o processo de correção nesta fase, que ocorre nos centros de aplicação espalhados pelo País.

O coordenador do comitê de provas, Pedro Malagutti, explica que esse é o grande diferencial da olimpíada em relação às avaliações comuns de Matemática, uma vez que testa os alunos de forma divertida.

"Não é uma Matemática que ele tenha que elaborar cálculos exaustivos, é uma Matemática de raciocínio dedutivo, de situações novas e que exige criatividade dos alunos", ressalta.

Premiação

Serão premiados 6.500 alunos com medalhas (500 de ouro, 1.500 de prata e 4.500 de bronze), além de menções honrosas. Os alunos medalhistas na Obmep 2015 serão convidados pelo Impa a participar do Programa de Iniciação Científica Jr. (PIC), a ser realizado em 2016, com direito a uma bolsa-auxílio do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) no valor de R$ 100 por mês (R$ 1,2 mil por ano).

Também serão premiados professores, escolas e secretarias de educação de municípios que se destacarem em virtude do desempenho dos alunos.

O coordenador-geral da Obmep, Claudio Landim, lembra que muitos alunos descobrem o seu potencial para a matemática fazendo a prova. "Eles fazem amizades com colegas de vários estados e passam a vislumbrar a possibilidade de seguir uma carreira universitária", afirma Landim.

O número de estudantes inscritos para a Obmep 2015 totalizou quase 18 milhões, sendo São Paulo o estado com o maior número de participantes, Minas Gerais e Bahia, seguidos dos estados do Paraná, Rio de Janeiro, Pernambuco e Pará, cada qual com quase 1 milhão de alunos inscritos.

Obmep

Atividade do Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada (Impa/MCTI), a Obmep visa incentivar o estudo da matemática nas escolas públicas e revelar talentos. Iniciada em 2005, a Olimpíada é promovida com recursos do Ministério da Ciência e Tecnologia e Inovação (MCTI) e do Ministério da Educação (MEC).

Comentários